Mont Saint-Michel

Saint-Michel, “a Maravilha”!

A Abadia de Saint-Michel, declarada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, é conhecida pelos franceses como “la Merveille” – a Maravilha – desde o final de sua construção, no século XIII. Não são apenas sua grandiosidade e beleza que a tornam “maravilhosa”, mas o fato de ser um feito arquitetônico inigualável. Foi construída no topo de um monte sobre uma enorme praia de areia onde, na maré alta, é cercada pelas águas. Para chegar à abadia é preciso percorrer uma subida em forma de caracol.

Mapa do Mont Saint-Michel

Como ir

Trem

Via Rennes – Da estação Montparnasse em Paris partem trens, inclusive o famoso TGV (Trem de Grande Velocidade, que corre a mais de 300km por hora!) para Rennes. Uma viagem de apenas 2h. Os trens comuns  tomam até 3h para fazer o mesmo trajeto, mas são mais baratos.
A partir de Rennes há ônibus diretos para o  Mont Saint-Michel. Rennes é uma cidade maior, com cerca de 220 mil habitantes, situada a uns 70 km do Mont St- Michel, mas grande disponibilidade de horários: uns 30 trens efetuam o trajeto de Paris a Rennes diariamente.

Via  Dol de Bretagne  Tome um trem em Paris na Gare de Montparnasse até Dol de Bretagne. A  viagem de Paris a Dol de Bretagne toma de 3h a 4h. Dol de Bretagne é graciosa e repleta de construções medievais. Fica a apenas 25 km da abadia de St-Michel. Há ônibus de Dol de Bretagne até o Mont Saint Michel. Dol de Bretagne é uma cidade pequena, com uns 6 mil habitantes.

Informações SNCF (passagens de trem)
www.voyage-sncf.com ou www.ter-sncf.com

Carro

Pela A11 – Pegar a direção Chartres, em seguida Le Mans, depois Laval.  Siga as indicações Fougères e depois Le Mont Saint-Michel.
Pela A13 – Pegue a direção de Rouen, em seguida Caen e A84. Siga as indicações Le Mont Saint-Michel.

Quando você chegar de carro, procure o estacionamento oficial Saint-Michel. Há uma loja-fábrica de biscoitos,  pouco antes, que denomina seu estacionamento de  “P St-Michel”, o que pode confundir alguns. Êita marketing metido a esperto! O estacionamento da abadia é imenso, tem um centro de informações, banheiros etc. Não tem como não ver. Ao entrar nele você terá que apertar um botão e retirar seu ticket; não o perca. Vai precisar dele ao sair. Como em um supermercado aqui no Brasil.

A entrada no Mont Saint Michel é gratuita, mas a visita da Abadia é paga. O estacionamento também é pago.

Depois de estacionar, caminhe em direção ao final do estacionamento, na direção oposta à que você entrou. Lá há ônibus grátis (navettes) que o levarão até a ponte em frente ao Mont Saint-Michel. Esse mesmo ônibus o trará de volta ao estacionamento, deixando-o perto do Centro de Informações, onde é efetuada a cobrança do estacionamento.

Vídeo de turismo sobre o Mont Saint-Michel, na Normandia

Onde se hospedar

Para visitar o Mont Saint-Michel, uma abadia isolada, o mais provável é que que você se veja obrigado a se instalar em alguma cidade próxima. Dol de Bretagne pode ser uma boa pedida, mas há opções mais caras e bem mais charmosas no próprio Mont Saint-Michel.

Escolha e reserve seu hotel na Normandia

 Melhor época

A reigão do Mont saint-Michel na Baixa Normandia, é incerto. É recomendável estudar com carinho a melhor época para sua visita ao Mont Saint-Michel.

A Abadia de Saint-Michel

A lenda conta que o bispo de Avranches construiu  no ano 708 um santuário dedicado ao Arcanjo São Miguel (Saint-Michel), o vencedor do dragão, no local que, na época, era apenas um monte pontiagudo que curiosas marés isolavam da costa de tempos em tempos.

Logo, o lugar tornou-se ponto de peregrinação de cristãos vindos de todos os pontos da Europa, o que continua ocorrendo até hoje. Em 966, o duque da Normandia ofereceu meios para a construção do primeiro mosteiro beneditino no local. A partir daí, a abadia consolidou-se como a mais importante de sua época.

Nos séculos seguintes, novas construções passaram a fazer parte do conjunto. As mais importantes foram as do século XII, com duas construções góticas de três andares, financiadas pelo rei da França, Philippe Auguste, que festejava a conquista da Normandia. Depois, no séculos XIV e XV, a Guerra dos Cem anos fez com que a Abadia de St-Michel fosse transformada num conjunto fortificado.

Durante a Revolução Francesa, a Abadia de Saint-Michel foi utilizada como prisão e não recebeu quase nenhuma manutenção. Sua restauração ocorreu somente a partir do século XIX.

Atrações e pontos de interesse

Além da visita à própria abadia, a super interessante Grande Rue, junto às muralhas, possui alguns museus de interesse relativo, alguns um tanto sensacionalistas.  Ali se concentram também lojas e restaurantes, além de interessantes imóveis  dos séculos XV e XV. A rua é uma imensa escadaria e quem anda fora de forma irá penar. Do alto, entretanto têm-se uma vista panorâmica da imensa área periodicamente tomada pelas marés.

No Mont Saint Michel existe também a igreja paroquial dedicada a Saint Pierre (São Pedro), protetor dos pescadores.

O mais interessante da visita, além do quadro natural e da abadia em si, é poder além de visitar um sítio histórico insólito, apreciar alguns belos exemplos da arquitetura da baixa Idade Média Idade Média.

Horários de abertura da Abadia de Saint-Michel

A Abadia abre todos os dias, exceto no 1º de maio, no Natal e no Ano Novo.

Horário de verão 9h às 19h (2 de maio a 31 de outubro)
Horário de inverno 9h30 às 17h (1º de setembro a 30 de abril)

Importante Os dias e horários de abertura podem ser modificados no caso de marés excepcionalmente altas que impeçam o acesso ao Mont Saint-Michel. Consulte antes de ir!

Informações práticas sobre Paris

Como ir a Paris

Veja passagens aéreas e pacotes

Hotéis em Paris

O Booking.com é um meio fácil e seguro de reservar seu hotel ou apartamento em cidades no mundo todo. Você não paga nada a mais por isso. Você pode pesquisar ofertas entre uma enorme variedade de estabelecimentos

Escolha e reserve seu hotel em Paris