Comida baiana
Cozinha de mercado
Cozinha de mercado, Salvador, Bahia

 

A comida baiana

Os sabores da Bahia alcançaram fama internacional. Com forte influência da culinária africana, muitas comidas saíram da “mesa” dos orixás para as dos simples mortais. Assim, o acarajé, a mais popular das guloseimas, é chamado “comida de Iansã”, enquanto o bobó de camarão é “comida de Oxum”. Aos pratos afro-brasileiros originais foram adicionados ingredientes de agrado do paladar europeu, bem como itens usados pelos índios, como o milho, a mandioca e o pimentão.

Temperos forte e o azeite de dendê

A cozinha baiana também é conhecida por seus temperos fortes regados a azeite de dendê.
A cozinha do interior é bastante diferente daquela do litoral. Em Juazeiro, por exemplo, são comuns o surubim (um peixe de rio) e as carnes de bode, de carneiro e de sol. Certamente ninguém vai passar em branco e voltar sem provar pratos típicos, mas quem tem estômago sensível não precisa se apavorar; nem só de acarajé vive o baiano.

O café da manhã

Fazem parte do café da manhã e do lanche da tarde o cuscuz e as tapiocas com recheios doces ou salgados. Sucos e sorvetes de frutas como coco, cajá, caju, buriti, cacau, pitanga, umbu, cupuaçu e maracujá completam o menu.

Os doces

Entre os doces, as cocadas e os quindins são os preferidos do público, mas vale a pena experimentar o bolo de macaxeira, a baba de moça, o pudim de tapioca e os doces de caju e de jaca.
Nas concorridas festas juninas servem-se o mungunzá (conhecido no sudeste como canjica), o arroz doce, as cocadas, os suspiros e os beijus.

Em Salvador

Em Salvador há todo tipo de restaurante. Desde a cozinha trivial com arroz, feijão, saladas, verduras, peixe e carne nos restaurantes a quilo, até pratos dos mais variados nos restaurantes de cozinha internacional. Nos mercados populares como os das Sete Portas (onde é mantida a tradição de servir mocotó às sextas-feiras à noite), de São Miguel, de Santa Bárbara e de São Joaquim existem barracas que servem comida típica regional por preços bastante acessíveis.

As barracas de praia

As barracas de praia, uma grande pedida Em todo o litoral da Bahia existem barracas de praia, também chamadas “cabanas”, que servem sucos, batidas de frutas, cerveja gelada e comida. Nas mais simples, você encontra somente alguns salgados para acompanhar as bebidas. Outras, porém, são verdadeiras instituições e possuem serviço de bar, espreguiçadeiras, guarda-sóis, som ambiente, ducha de água doce para você tirar o sal ao sair do mar, banheiros e até palco onde se apresentam grupos musicais. Nelas você encontra pratos da tradicional cozinha baiana – leia-se acarajés, cuscuzes, moquecas, carne de sol, vatapá e outras delícias – com um padrão de qualidade muitas vezes comparável ao de restaurantes de luxo, a preços convidativos. Você não precisa sair da praia para almoçar.

Pratos típicos da culinária baiana

Os pratos que você vai encontrar nos menus

Informações práticas

Como ir a Bahia

Compare preços de passagens aéreas e faça sua reserva

Hotel em Salvador

Salvador possui hotéis e pousadas para todos os bolsos e para todos os gostos. Veja na listagem a localização e  o conforto oferecido por cada estabelecimento, com comentários.

Escolha e reserve seu hotel em Salvador