A melhor época para ir a Milão e à Lombardia
Lago di Como, Lombardia, Foto Pedro, CCBY
A melhor época para ir a Milão e à Lombardia. Lago di Como, Lombardia, Foto Pedro, CCBY

A melhor época para ir a Milão e à Lombardia

Por Lúcio Martins Rodrigues

Quando ir

O clima na Lombardia é de tipo continental, com sensíveis diferenças de temperaturas entre as regiões baixas e lugares de altitude. Os invernos lombardos são frios, sobretudo entre dezembro e fevereiro, meses que é melhor evitar. Também é o caso de evitar os meses de verão, com temperaturas próximas aos 30 graus e com tudo caro e lotado de turistas. As variações térmicas do clima continental são mais expressivas: o verão mais quente e o inverno mais frio. Na região dos lagos, protegida pela cadeia andina, o clima é mais úmido, mas as temperaturas são mais amenas.

De qualquer modo, para toda a Lombardia, o outono e a primavera sãos as época ideais para sua viagem.

Mapa da Lombardia

Primavera

A primavera é uma época de ouro para um roteiro pela Lombardia.  No começo da primavera,  as temperaturas são  um pouco mais frescas, mas o frio costuma ser leve e fácil de encarar. Os melhores meses são abril e maio, com temperaturas bastante agradáveis. Além das temperaturas moderadas, a primavera é uma época bonita, colorida, cheia de flores. A estação oferece ainda duas vantagens importantes: tudo é mais em conta. Uma viagem na baixa temporada (primavera e o outono) sai uns 40% mais em conta do que na alta estação. Há promoções tentadoras, as passagens aéreas não são salgadas, e podem ser parceladas. Há menos hotéis abertos, mas os preços das diárias estão mais em conta.

Vídeo sobre a Lombardia

Verão

Evite o verão, se for possível. O verão lombardo é longo. E o calor pode ser intenso. Não é raro que em alguns dias os termômetros indiquem temperaturas superiores a 30 graus. Junho e agosto são meses sufocantes, principalmente em Milão e outras grandes cidades. Na região dos lagos o clima é um pouco mais suave, embora também chova mais. As chuvas, entretanto, não incomodam tanto quanto as altas temperaturas, que inibem o prazer de caminhar. Logo você está com a camisa ensopada de transpiração. O auge do verão (agosto), além do calor desagradável, corresponde à época de férias escolares no hemisfério norte. Tudo está lotado e caro. Se não reservar hotel arrisca-se a não encontrar onde dormir. E vai pagar muito mais caro pelo quarto. E, convém saber: as passagens do Brasil para a Itália também estão bem mais caras. É a lei da oferta e da procura… Portanto, se possível evite julho e agosto.

Outono

O começo do outono, que inclui o final de setembro, estende-se até dia 23 de dezembro, quando começa o inverno. Faz um frio moderado (para os não friorentos…). Em novembro a média máxima fica em torno de 11 graus.  O outono é igualmente uma época muito bonita. Não é particularmente florida, mas as tonalidades amarelas e vermelhas que dominam a paisagem são lindas. O outono corresponde também à baixa temporada. Todas as ponderações relativas à primavera valem para o outono: a viagem sai mais barata, há menos turistas. Outubro é um mês ótimo se considerarmos a beleza da paisagem e as temperaturas. A umidade é maior mas, muitas vezes,  as chuvas são  fracas e intermitentes. Um pequeno guarda-chuva pode ser útil.

Inverno

No inverno, os meses de dezembro e janeiro são mais frios do ano. Não faz aquele “frio do cão”, como no norte da Europa, mas as baixas temperaturas incomodam. Pode ocorrer nevascas, quem alugar carro precisará ter pneus com correntes, sobretudo se for visitar regiões mais elevadas. Aliás, neva também em Milão e outras cidades lombardas. É altamente recomendável ter roupas adequadas ao frio, casaco forrado, sapatos impermeáveis, meias quentes, cachecol, luva etc. Se puder, evite viajar pela Lombardia no auge do inverno.

Chuvas na Lombardia

As chuvas são distribuídas de modo um tanto irregular, sem longos períodos secos ou chuvosos. Há picos de maior pluviosidade em qualquer estação do ano, mas as chuvas dificilmente vão atrapalhar sua visita à Lombardia, sobretudo se estiver de carro. Um pequeno guarda-chuva dobrável, que caiba numa bolsa ou no porta-luvas, pode ser um uma precaução inteligente. Outubro, no outono, é o mês mais chuvoso do ano. Mas no verão chove quase a mesma coisa em agosto, na região dos lagos e, em junho, no centro da Lombardia e em Milão. Os índices pluviométricos assinalados são apenas uma orientação. Há anos em que chove muito mais ou muito menos. O ideal é consultar a previsão do tempo quando for embarcar.

Médias históricas de temperaturas (°C) e precipitações (mm) em Milão

Temperaturas máximas em Milão

Jan 6  | Fev 9 | Mar 14 | Abr 19 | Mai 24 | Jun 28 | Jul  30 | Ago 29 | Set  25 | Out 18 | Nov 11 | Dez 7

Temperaturas mínimas em Milão

Jan | Fev 3 | Mar |  Abr 11 |  Mai 15 |  Jun 18 | Jul 21 | Ago 20 | Set  17 | Out 12 | Nov 7  | Dez 3

Chuvas

Jan 43 | Fev  59 | Mar 76 | Abr  93 | Mai  75 | Jun 117 | Jul 63 Ago 90 | Set 68 | Out 124 | Nov 121 | Dez 76

Médias históricas de temperaturas (°C) e precipitações (mm) na região dos lagos da Lombardia

Temperaturas máximas nos lagos

Jan 8  | Fev  91 | Mar 14 | Abr 16 | Mai 22 | Jun 25 | Jul  28 | Ago 27 | Set  22 | Out 17 | Nov 11 | Dez 7

Temperaturas mínimas nos lagos

Jan -3 | Fev -3  | Mar 1 |  Abr 5 |  Mai 10 |  Jun 13

Jul  15 | Ago 15 | Set  11 | Out 8 | Nov 2  | Dez -2

Chuvas nos lagos

Jan 75 | Fev  65 | Mar 85 | Abr  85 | Mai  105| Jun  95

Jul  90 | Ago 115 | Set 90 | Out 120 | Nov 105 | Dez 70

Informações práticas

Como ir

Avião 

Há voos diretos do Brasil. Milão tem voos para toda a Itália e principais destinos europeus.

Veja passagens aéreas e pacotes