História do Peru: Curiosidades sobre os incas

Como viviam os incas, como moravam, como era o casamento, as Virgems do Sol, os costumes. Os incas tinham algum sistema de escrita?

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Inca, casa
Casa inca reconstruída em Machu Picchu

Curiosidades sobre os incas: conheciam a escrita?

√Č intrigante que os incas n√£o tenham, aparentemente, desenvolvido uma escrita. Ou que vest√≠gios de uma poss√≠vel escrita tenham sido completamente destru√≠dos.
O assunto desperta controv√©rsias. Alguns afirmam que a escrita existira e se tornara proibida em tempos remotos. Outros discordam: afinal, nunca foi encontrado um ‚Äútexto‚ÄĚ inca. Tudo o que h√° s√£o registros de padres espanh√≥is que, no s√©culo XVI, ao elaborarem dicio-n√°rios que visavam √† tradu√ß√£o de voc√°bulos qu√©chuas, neles inseriram a palavra quillca, que significaria ‚Äúpapel, livro ou carta‚ÄĚ.

Ideogramas

H√° hoje evid√™ncias da exist√™ncia n√£o propriamente de um alfabeto, mas de desenhos que representariam palavras: ideogramas reservados ao conhecimento dos amautas. A restri√ß√£o de seu uso poderia explicar porque os espanh√≥is (e os √≠ndios que lhes serviram como fonte de informa√ß√£o) n√£o conheceram essa ‚Äúescrita‚ÄĚ.

Os quip√ļs

Certo √©, por√©m, que os incas possu√≠am uma linguagem codificada em quip√ļs: cord√Ķezinhos coloridos de diferentes grossuras, com n√≥s que s√≥ os iniciados decifravam. Esses cord√Ķezinhos ‚Äúfalavam‚ÄĚ muito mais do que se pode supor ao olh√°-los. Informavam datas, quantidades, dados econ√īmicos, hist√≥ricos e demogr√°ficos: um verdadeiro livro-caixa do mundo inca. Um sistema de mensageiros, os chasquis, que se revezavam na entrega de mensagens, mantinha o imperador informado da situa√ß√£o em cada prov√≠ncia. Sem ter como anotar, transmitiam mensagens curtas e objetivas que o mensageiro deveria decorar e repetir com exatid√£o para o colega que o revezaria no trecho seguinte do caminho, como na brincadeira de ‚Äútelefone sem fio‚ÄĚ. Os postos ao longo da estrada eram situados em pontos estrat√©gicos e podiam, no caso de algum acontecimento grave (como rebeli√£o em uma prov√≠ncia), providenciar comunica√ß√£o por meio de sinais de fuma√ßa durante o dia e sinais luminosos √† noite. Assim, em poucas horas, a not√≠cia chegava a Cusco, a centenas de quil√īmetros de dist√Ęncia. Era o telegrama incaico.

A casa inca

As resid√™ncias dos nobres e sacerdotes, feitas de pedra, eram compostas por v√°rios c√īmodos forrados com tapetes de pele e plumas, que enfeitavam tamb√©m as paredes. J√° as casas dos hatun runa eram feitas de adobe e compostas por um √ļnico aposento, onde os membros da fam√≠lia dormiam sobre esteiras, cozinhavam, criavam porquinhos-da-√ćndia (cuys) e trabalhavam sob pencas de espigas de milho penduradas em traves do telhado. O ponto em comum √© que, independentemente da classe social, em nenhuma resid√™ncia havia m√≥veis, praticamente desconhecidos dos incas, que comiam de c√≥coras. A privacidade era praticamente nula: as portas das casas deveriam estar sempre abertas pois, a qualquer momento, podia-se receber a visita do llactacamayu (uma esp√©cie de ‚Äúcomiss√°rio do povo‚ÄĚ), que verificava se tudo estava nos conformes.

Eu vos declaro “maridos e mulheres‚ÄĚ

O casamento dos cidad√£os comuns era uma cerim√īnia coletiva, na qual aqueles que haviam cumprido o servi√ßo militar recebiam uma esposa. O evento, que ocorria anualmente, era comandado pelo Tucuy Ricoc, que assumia ent√£o o t√≠tulo de Huarmicoco ou ‚Äúdistribuidor de mulheres‚ÄĚ, entregando cada mo√ßa a um rapaz do mesmo ayllu. Como os ayllus eram geralmente divididos em duas zonas, separadas por um rio, os homens que habitavam uma das margens casavam-se com mulheres que habitavam a outra. N√£o era permitido o casamento de pessoas de ayllus diferentes. A medida tinha como objetivo estreitar os la√ßos comunit√°rios e reduzir o risco de incesto. O Huarmicoco fazia as combina√ß√Ķes preferencialmente pelo tipo f√≠sico: o mais alto com a mais alta, o baixinho com a baixinha… Fazia sentido!

As Virgens do Sol

Uma curiosa institui√ß√£o inca foi o Acllahuasi. Nele eram educadas as escolhidas, ou acllas, meninas selecionadas aos quatro anos de idade por seu ayllu (comunidade) por gozarem da mais perfeita sa√ļde, n√£o terem defeitos f√≠sicos e serem bonitas. Podiam, aos quatorze anos, optar por continuar no Acllahuasi ou voltar ao seu ayllu. Permanecendo no Acllahuasi, algumas passavam a integrar o grupo de Virgens do Sol; outras tornavam-se mulheres do Inca, de seus filhos ou de nobres que o Inca queria recompensar. As que decidiam ser Virgens do Sol dedicavam sua vida √† religi√£o. N√£o podiam se casar e deviam manter-se castas. O castigo para a perda da virgindade era a morte. Ela e seu amante tinham os olhos arrancados e eram assados vivos ou enterrados juntos num pequeno buraco.

Fiesta de la Virgen de la Candelaria

Essa festa, a mais importante de Puno, em honra √† padroeira da cidade, acontece durante a primeira semana de fevereiro. Boa parte da popula√ß√£o participa de dan√ßas, como a Diablada (‚Äúa dan√ßa do Diabo‚ÄĚ) e veste fantasias e m√°scaras, desfilando em ruidosos grupos com pelo menos metade dos participantes completamente embriagados de pisco. Apesar de ser chamado tamb√©m de ‚ÄúCarnaval de la Candelaria‚ÄĚ, durante muito tempo foi uma festa bem comportadinha, com dan√ßas mais ritual√≠sticas do que outra coisa. Os novos tempos, o marketing tur√≠stico ou ambos introduziram mudan√ßas. Agora as cholitas est√£o produzidas e de pernas de fora. N√£o espere, entretanto, dan√ßarinas semi-nuas como no Carnaval carioca, pois isso n√£o combina com o jeito de ser do povo local, com o clima frio, nem com a festa, de natureza religiosa. O Carnaval da Candelaria re√ļne tradi√ß√Ķes andinas, com homenagens a Pachamama (a M√£e-Terra) e cat√≥licas, com a Virgem sendo conduzida numa prociss√£o.

Informa√ß√Ķes pr√°ticas

Como ir ao Peru

Veja passagens aéreas e pacotes

Onde se hospedar no Peru

Escolher e reservar seu hotel em Lima

Escolha e reserve seu hotel em Arequipa

Escolha e reserve seu hotel em Cusco

Escolha e reserve seu hotel em Puno

Relatos de viagem

A Trilha Inca¬†‚ÄĘ Viagem pelo Valle del Colca

Maquina fotografica

O Peru em imagens Fotos dos lugares de especial interesse turístico.

Booking.com

Mais sobre o assunto:

Lei e a moral incas

Curiosidades sobre o Imp√©rio Inca. As leis e a moral Incaica eram severas. Qualquer desrespeito a elas resultavam em puni√ß√Ķes rigorosas, n√£o raro com a condena√ß√£o √† morte do infrator.

Read More ¬Ľ

Receba nossa newsletter

Dicas e detalhes de quem j√° passou por l√°!

O Manual do Turista quer te inspirar com informa√ß√Ķes que far√£o a diferen√ßa na sua viagem.