Hospedagem no Chile: é preciso reservar?

Hospedagem: reservar ou não?

Quando a reserva é aconselhável

Muita gente não gosta de reservar hotel: prefere ir “na raça” e tentar conseguir hospedagem na hora. É uma opção. Porém a prudência recomenda garantir acomodação pelo menos para a primeira noite. Considere que, quase sempre você desembarca cansado, depois de viajar algumas horas e está sem paciência de ficar batendo pernas com sua bagagem para cima e para baixo, principalmente se não estiver motorizado. Depois, no dia seguinte, descansado, se quiser poderá mudar de hotel.

 Na alta estação

Esse conselho é particularmente válido na alta estação, feriados prolongados ou sexta-feira ou sábado à noite. Pode efetuar sua reserva por e-mail (escreva em português que os chilenos entendem) ou telefonando para o estabelecimento. Eles entenderão igualmente seu portunhol.

Dica para quem não gosta de reservar

Se você é daqueles que realmente detestam reservar hotel, anote a dica: o ideal é chegar ao seu destino por volta de meio-dia, quando os quartos são desocupados, ou no comecinho da tarde. Quanto mais tarde, menores as chances de conseguir vaga.

Você não precisa sempre reservar antecipadamente

Sabemos que muita gente não gosta de deixar tudo reservado numa viagem por conta própria, para ter a liberdade de poder ficar um dia a mais ou a menos em algum lugar. Quem não tem certeza de onde vai querer passar as próximas noites pode ir reservando sua hospedagem à medida que prossegue sua viagem. Em alguns hotéis o próprio pessoal da recepção pode cuidar disso para você.

Se você chegar a seu destino sem hospedagem reservada

Procure o escritório de turismo local e peça um help para conseguir um quarto em um dos estabelecimentos listados no guia GTB Chile. Se todos os hotéis estiverem lotados, a equipe do escritório de informações poderá lhe oferecer outras possibilidades. Em alguns casos, além de lhe conseguir onde se hospedar, os funcionários podem até arrumar traslado. Aproveite para pedir um mapinha da cidade.

Tipos de aposento

Antes de fazer sua reserva, conheça as expressões que indicam o tipo de quarto (habitación):
double (pronuncia-se dúble) = duplo (com duas camas de solteiro)
de matrimónio (ou habitación matrimonial) = com cama de casal
con baño privado = com banheiro privativo
con baño compartido ou con baño comun = com banheiro coletivo (no corredor)

Preços das diárias

O valor das diárias regula grosso modo com a dos hotéis brasileiros, mas em geral elas são mais baratas do que em certas cidades europeias, como Paris, Londres, Milão, Estocolmo ou Amsterdã. Quem foi obrigado a ficar num hostel em Londres ou Amsterdã pode agora, pelo mesmo preço, ficar num hotel de 2 estrelas. Dependendo da época do ano, é possível algum tipo de barganha. Não se iniba de perguntar “Me hacés un descuento?”. Normalmente os hotéis concedem descontos para quem vai se hospedar vários dias no estabelecimento. Mas insistir pode ser uma atitude antipática.

O preço da diária depende em parte de seu destino

No Chile, os hotéis mais caros ficam em lugares afastados como Isla de Páscoa, San Pedro do Atacama, em Torres del Paine ou nas estações de esqui mais chiques. Em Santiago os preços podem ser mais elevados do que nas pequenas localidades não turísticas, mas isso depende muito do bairro em que você deseja se hospedar.

Um hotel em San Pedro de Atacama pode custar o dobro de outro da mesma categoria em Valparaíso. E as diárias num mesmo hotel no auge da estação turística podem ser muito mais elevadas do que na baixa estação. Um hotel de três estrelas pode ser mais barato do que um de duas…

Quartos com preços diferentes

É também comum que os hotéis tenham quartos de diferentes preços, seja porque alguns aposentos são maiores, mais bem equipados, têm varanda ou vista para as montanhas nevadas, seja porque os outros são mais simples, menores, menos confortáveis ou têm vista para a parede do prédio vizinho. Por isso, classificamos os estabelecimento por categorias. Confirme o valor da diária por e-mail.

Localização também conta

Não é apenas o conforto oferecido pelo hotel que determina o preço das diárias, mas também sua localização: a distância do centro, a facilidade de transporte, o fato de o bairro ser mais fino etc. Sabemos que nem todos podem viajar quando querem, mas quem deseja economizar deve tentar viajar na baixa estação.

Alta e baixa estação

Aproveitamos para lembrar que a baixa estação é, quase sempre, a melhor época para se viajar. Não apenas tudo está mais barato, mas também menos lotado, você é mais bem atendido.

Informe-se

Ao reservar, procure obter o máximo de informações sobre o hotel e peça confirmação, por e-mail ou fax, do período, do tipo de aposento e do preço, com a especificação da inclusão ou não das taxas governamentais na diária. A adequada localização (ubicación em, espanhol) do estabelecimento é essencial. Quem está de carro pode escolher um hotel isolado no campo, porque curtiu a paisagem. Porém, nas cidades, estabelecimentos mais centrais costumam ser mais cômodos. Em alguns casos, principalmente para quem está de passagem, as proximidades de estações rodoviárias podem ser também uma boa opção. Mas repare se o local é bem frequentado e seguro.

Tipos de estabelecimentos

Hotéis

Em cidades como Santiago os hotéis mais modernos, de construção recente, costumam seguir o modelo das grandes redes americanas: o serviço costuma ser impecável, são confortáveis, mas não têm muita personalidade. Já os hotéis menores podem supreender. Alguns são rústicos, mas charmosos. Nos hotéis de mochileiros, os banheiros, mesmo aqueles de uso comum para vários quartos, costumam ser limpos. É raro um hotel que seja sujo ou desagradável.

Hosterías e posadas

No Chile, hosterías ou posadas são mais ou menos o equivalente às “pousadas” brasileiras. Podem ser estabelecimentos charmosos e confortáveis, com bons cafés da manhã e oferecer certos serviços, ou não passar de lugarzinhos simples que não oferecem nenhum serviço aos hóspedes. Na realidade, o preço e os serviços e confortos anunciados dizem mais sobre o que o aguarda do que o nome.
Residenciales e hospedajes
Residenciales e hospedajes também são nomes que não significam muita coisa; muitas vezes (mas nem sempre) funcionam em casas de família, como “pensões”, e costumam ser mais simples que hotéis, hosterías e posadas.

Hosteles ou hostales

Hostal (ou hostel), era, estabelecimento filiado à Hostelling International (antigo “Albergues da Juventude”). Hoje está cheio de hostais particulares ou que seguem um esquema parecido. Em geral, são direcionados ao público mochileiro e jovem. Mas nada impede que viajantes não tão jovens e pouco exigentes quanto a conforto se hospedem neles. Existem hostales de diversos perfis e muitos possuem quartos duplos com banheiro privativo. Alguns são decorados com gosto e mais caros e confortáveis do que hotéis simples.

Cabañas

Fora dos centros urbanos, principalmente em lugares nos quais a atividade turística está ligada ao contato com a natureza, como a Região dos Lagos e a Patagônia chilena, as cabañas (chalés) são uma boa alternativa de hospedagem, para quem viaja de carro em um pequeno grupo. Os chalés têm cozinha equipada, permitindo que você mesmo prepare suas refeições. Existem chalés para casais e outros maiores para várias pessoas.

Campings

Embora muita gente deteste acampar, há quem adore. Tem que ter espírito para a coisa. Para quem gosta, o Chile é um lugar perfeito. Há campings bem confortáveis espalhados por todas as regiões, alguns deles possuem chalés (cabañas) para alugar. Assinalamos vários nas principais localidades turísticas.
Algumas prefeituras disponibilizam áreas com infraestrutura básicas, em que não se paga nada ou quase nada para acampar. Para cozinhar é preciso ter camping-gás. Fogueiras são geralmente proibidas.

O camping é comum no Chile e não é difícil encontrar lojas que vendem barracas e outros equipamentos. Se for acampar, evite incomodar seus vizinhos (como música no último volume, por exemplo). Quando partir deixe o lugar tão limpo e em ordem como o encontrou.

Classificação oficial dos estabelecimentos

A classificação por estrelas no Chile significa pouco. Há bons hotéis de duas estrelas e outros menos confortáveis de três. Uma pousada sem estrela nenhuma pode ser melhor que certos hotéis.

Check-out

Cada hotel no Chile tem seu horário de check-out. Alguns são bem incômodos: você tem que deixar o quarto às 10h da manhã. Em outros você pode liberar o aposento por volta de meio-dia. Informe-se na recepção ao se hospedar.

Café da manhã

O café da manhã servido nos hotéis chilenos é de qualidade variada. Alguns são bem completos e oferecem frios, ovos, queijos etc. Outros são bem fraquinhos. O “café” que servem é nescafé com ou sem leite.

Informações práticas

Como ir ao Chile

Veja passagens aéreas e pacotes

Hotéis no Chile: reserva pelo Booking.com

O Booking.com é um meio fácil e seguro de reservar seu hotel ou apartamento em cidades no mundo todo. Você não paga nada a mais por isso. Você pode pesquisar ofertas entre uma enorme variedade de estabelecimentos

Escolha e reserve seu hotel em Santiago: seleção por categoria

Escolha e reserve seu hotel em La Sereña: seleção por categoria

Escolha e reserve seu hotel em Pucón: seleção por categoria

Escolha e reserve seu hotel em Puerto Natale: seleção por categoria

Escolha e reserve seu hotel em Puerto Vara: seleção por categoria

Escolha e rserve seu hotel em Punta Arenas: seleção por categoria

Escolha e reserve seu hotel em San Pedro de Atacama: seleção por categoria

Escolha e reserve seu hotel em Torres del Paine: seleção por categoria

Escolha e reserve seu hotel em Valdívia

Escolha e reserve seu hotel em Valparaíso

Escolha e reserve seu hotel em Viña del Mar

O Chile em imagens

Maquina fotografica

Álbum fotográfico com dezenas de fotos do Chile separadas em slide-shows  sobre a as regiões mais interessantes do país.