África do Sul

África do Sul Foto South African Tourism_files

Safaris e aventuras na África do Sul

Como ir:

Há voos diretos de São Paulo para Johannesburg na África do Sul pela South African. A viagem tomaoito horas e meia.

Compare preços de passagens aéreas e faça sua reserva

Mapa da África do Sul

Onde se hospedar

Escolha e reserve seu hotel em Capetown

Escolha e reserve seu hotel em Johanesburgo

Escolha e reserve seu hotel em Durban

Escolha e reserve seu hotel em Pretoria

A melhor época

A África do Sul é um país que pode ser visitado em qualquer época do ano; depende de seu gosto. Alguns preferem um clima mais fresco, outros gostam de calor. As estações do ano correspondem às brasileiras.

Na Cidade do Cabo chove um pouco mais no inverno; em Johannesburgo, em Durban e no centro do país chove mais no verão. Em qualquer caso, as chuvas nunca são excessivas. Na maior parte do país, o inverno não é muito rigoroso.

No interior e nas regiões semidesérticas do Karoo, a amplitude térmica é bem maior do que na costa, e as noites tendem a ser mais frias. No verão, durante o dia, as regiões semidesérticas são bem quentes. No litoral, o calor nunca chega a ser exagerado.

A África do Sul é um país que pode ser visitado em qualquer época do ano; depende de seu gosto. Alguns preferem um clima mais fresco, outros gostam de calor. As estações do ano correspondem às brasileiras. Na Cidade do Cabo chove um pouco mais no inverno; em Johannesburgo, em Durban e no centro do país chove mais no verão. Em qualquer caso, as chuvas nunca são excessivas. Na maior parte do país, o inverno não é muito rigoroso. No interior e nas regiões semidesérticas do Karoo, a amplitude térmica é bem maior do que na costa, e as noites tendem a ser mais frias. No verão, durante o dia, as regiões semidesérticas são bem quentes. No litoral, o calor nunca chega a ser exagerado.

Temperaturas médias máximas e mínimas

CIDADE DO CABO Primavera (outubro): mínima 11ºC / máxima 21º Verão (janeiro): mínima 16ºC / máxima 26ºC Outono (abril): mínima 12ºC / máxima 22ºC Inverno (julho): mínima 7ºC / máxima 17ºC JOHANNESBURGO Primavera (outubro): mínima 12ºC / máxima 25º Verão (janeiro): mínima 14ºC / máxima 26ºC Outono (abril): mínima 10ºC / máxima 22ºC Inverno (julho): mínima 4ºC / máxima 17ºC

Importante: Agora que você sabe o clima que o espera, veja que roupas e sapatos que deve colocar na sua bagagem.

Principais atrações

A África do Sul é um destino turístico que oferece uma experiência de viagem única, inesquecível, que você não terá em nenhum outro lugar do mundo: paisagens fabulosas, um misto de culturas africanas, europeias e orientais, trens cortando a savana ou ladeando a costa, minas de ouro e de diamantes, jipes percorrendo enormes parques nacionais em meio a bandos de animais selvagens, altivos guerreiros zulus com suas lanças…

Para quem não quer saber só de natureza, os locais históricos, as manifestações culturais e a vida cosmopolita da Cidade do Cabo (sem falar nos bons vinhos de produção local) completam o rol de atrações turísticas da África do Sul. Johanesburgo é uma cidade menos interessante para se fazer turismo, mas é base de partida para visitar parques nacionais. Mesmo nos chamados parques nacionais de vida selvagem há uma infraestrutura de hospedagem satisfatória, às vezes em bangalôs.

A principal língua nos centros urbanos é o inglês; outra herança dos colonizadores é o africâner, derivado do holandês, e diversos idiomas nativos são também oficiais. A grande maioria da população pertence ao povo nguni, mas há no país outros povos nativos, bem como descendentes de ingleses, holandeses, indianos e malaios. Os Ndebele, conhecidos pela beleza de seu artesanato e de suas casas coloridas, são um dos povos sul-africanos que têm idioma e identidade cultural próprias.

De um lado, a África do Sul possui muitas características de Primeiro Mundo, inclusive uma excelente infra-estrutura turística que conta com hotéis de luxo e ótimas opções de hospedagem em Johanesburgo, Cidade do Cabo (Cape Town), Durban, Pretória, no Kruger National Park e em outras localidades. De outro lado, é uma nação que ainda convive com problemas semelhantes aos brasileiros no que diz respeito a contrastes sociais e que se empenha em resolvê-los.

A África do Sul é o único país africano onde uma cultura europeia divide espaço com nativas, numa convivência difícil, marcada por um longo período de segregação (o apartheid), só terminado depois de vários anos de lutas sociais contra o racismo e a desigualdade. Hoje, os sul-africanos podem orgulhar-se de sua democracia.

Por tudo isso, está mais do que na hora de descobrirmos a África do Sul – o que pode ser feito hoje em dia com conforto. Uma outra vantagem: uma viagem de turismo à África do Sul não sai tão caro.

Fauna

A extraordinária riqueza e diversidade da fauna na África do Sul, que pode ser apreciada no seu ambiente natural nos espetaculares parques nacionais, são uma das principais atrações turísticas do país. No território da África do Sul são encontrados, além dos famosos “big five” (leão, leopardo, búfalo, rinoceronte e elefante), enorme variedade de espécies de mamíferos, répteis e aves.

Sites de turismo sobre a África do Sul

South Africa Net – Site oficial de turismo da África do Sul, restaurantes, compras, hospedagem (hotéis e bed and breakfast) atrações turísticas. Cobre todo as cidades de interesse para o turismo na África do Sul. Em inglês.

Embaixada Sul-Africana no Brasil Site oficial de turismo da Embaixada da África do Sul com informações e links- tours, passeios, hospedagem (hotéis, bed and breakfast). Em português.

Cidade do Cabo – Site oficial de turismo da Cidade do Cabo (Capetown). Informações sobre a cidade do Cabo, curiosidades, atrações turísticas, hospedagem (hotéis e bed and breakfast). Em inglês.

Southern Africa Places – Site sobre os principais pontos de interesse turístico da África do Sul, com ótimo material fotográfico sobre a fauna e a paisagem. Em inglês.

Garden Route – Site oficial de turismo da Garden Route, uma das mais belas regiões da África do Sul, restaurantes, compras, hospedagem (hotéis e bed and beakfast) atrações turísticas Boas fotos. Em inglês.

Durban – Site oficial de turismo de Durban. Informações sobre hotéis, bed and breakfast, clima, atrações, endereços úteis e acessar mapas.Em inglês.

KwaZulu-Natal – Site oficial de turismo de KwaZulu-Natal. Informações sobre hotéis, bed and breakfast, clima, atrações, endereços úteis e acessar mapas. Em inglês.

Parque Kruger Site de turismo do Kruger Park, com informações sobre hospedagem e safaris.

Pretoria – Site oficial da cidade de Pretória. Clicar em tourism. Informações sobre o país, curiosidades, atrações turísticas, hospedagem (hotéis e bed and breakfast). Em inglês.

Dicas de viagem pela África do Sul

– Johannesburgo é uma cidade perigosa, como São Paulo, Rio ou outras de nossas grandes metrópoles. Não se aventure fora do circuito turístico, muito menos à noite, principalmente se você for uma mulher. – Transportes urbanos coletivos lotados devem ser evitados por medida de segurança. Fique atento, como você ficaria no Brasil.

– É recomendável tomar remédio contra malária ao visitar parques nacionais e reservas de vida selvagem em regiões quentes e úmidas do norte do país. Você deve tomá-lo um dia antes de entrar nessas reservas e depois, semanalmente, durante cinco semanas. O medicamento contra malária é de venda livre na África do Sul. Consulte seu médico antes de ir para lá, principalmente se você for com crianças.

– Nunca se aproxime demais dos animais e evite usar flash ao fotografá-los. – Se for fotografar pessoas, principalmente em Soweto, seja discreto. Você não iria com máquina fotográfica pendurada no pescoço, num morro do Rio, tirando foto de todo mundo, não? Pois é, estando por lá, respeite a privacidade das pessoas.

– Evite nadar em rios e lagos, ou pelo menos informe-se antes: há risco de contrair esquistossomose! – O consulado sul-africano em São Paulo possui um excelente material turístico sobre o país.