500 anos de Leonardo da Vinci em Paris, Milão e São Paulo
A Última Ceia, uma das obras-primas de Leonardo

Leonardo da Vinci ainda é considerado um dos grandes gênios da humanidade, 500 anos depois de sua morte. Em diversos países e cidades, nos anos de 2019 e 2020 se realizam eventos e exposições sobre o mestre e sua obra como artista, cientista e inventor.

Quem nunca ouviu falar de Leonardo? Seja pela fama incomparável da Mona Lisa, seu quadro mais conhecido, ou da Última Ceia, que também se tornou icônica, seja pelas menções a ele em obras pop, como O Código Da Vinci ou as Tartarugas Ninja,o nome de Leonardo está por toda parte.

O artista, cientista e inventor nasceu em 1452 em uma vilazinha na Toscana, perto de Florença, chamada Vinci, e morreu na França, na cidade de Amboise, no Vale do Loire, perto de Paris, em 1519. Pelo extenso conjunto de suas pinturas e desenhos, que compreende diversas obras-primas, Leonardo da Vinci é um dos principais ou o principal artista de todos os tempos.

Mas ele não era só artista. Foi um grande estudioso de diversas ciências, como Anatomia, Botânica e Mecânica, bem como um grande inventor, cheio de criatividade e com domínio da técnica em seus incontáveis projetos. Em pleno século XVI, ele projetou até máquinas voadoras.  

Onde comemorar os 500 anos de Leonardo da Vinci

Pinturas, projetos e protótipos de Leonardo Da Vinci e muita informação sobre ele, seu tempo e suas obras podem ser encontrados nas diversas exposições que se realizam em homenagem ao grande gênio nos 500 anos de sua morte. Só na Itália. para ter uma ideia, há tantos eventos em tantas cidades diferentes que foi criado um Comitê só dedicado a organizá-los.

Como não dá para falar de todas as programações de eventos pelo mundo afora, selecionamos os mais importantes no exterior e o principal do Brasil.

Paris (França)

A exposição sobre os 500 anos de Leonardo da Vinci, no Museu do Louvre, em Paris, se realiza até 24/02/2020. Por ser super concorrida, a exposição tem venda de ingressos apenas online, com data e hora marcadas. Garanta seu ingresso: Tickets Louvre (oficial).

Amboise (França)

Nessa graciosa cidade do Vale do Loire, a menos de 200km de Paris, acessível de trem ou carro, fica o famoso Clos Lucé . Esse palacete em Amboise foi residência de Leonardo no período final de sua vida, quando trabalhou para o rei da França. Clos Lucé é hoje um interessante museu com maquetes e protótipos das invenções de Da Vinci. Leonardo está enterrado na pequenina capela St. Hubert, no jardim do Castelo de Amboise.

Milão (Itália)

Em Milão, o ponto alto das atividades dedicadas à obra de Da Vinci é a visita a 5 diferentes museus onde há obras do artista com um só ingresso, até 12/01/20. Sai mais barato do que os bilhetes em separado e, o que é o melhor, garante sua visita à imperdível Última Ceia (ou Santa Ceia).

Os museus participantes são o Castelo Sforzesco, a Pinacoteca Ambrosina, a Pinacoteca di Brera, o Museu Nacional de Ciência e Tecnologia Leonardo Da Vinci e, é claro, o Museu do Cenacolo Vinciano – que nada mais é do que o local onde está a Última Ceia, uma das principais obras-primas do artista.

O ingresso especial “5xLeonardo” só é vendido pelo telefone +39 02 92800360 ou na bilheteria do Museu do Cenacolo Vinciano.

São Paulo

A Exposição Leonardo da Vinci – 500 anos de um gênio inaugura o MIS Experience, um novo espaço de exibições do MIS – Museu da Imagem e do Som, no bairro da Água Branca (Rua Vladimir Herzog, 75). Os ingresso para a exposição, que vai até 01/03/20, podem ser comprados online pelo Sympla.