Turim (Torino)
Bonde em Torino, no Piemonte, foto de Chico Spagnuolo
Bonde em Torino, no Piemonte, foto de Chico Spagnuolo

Turim (Torino), a capital do Piemonte

A capital e principal cidade do Piemonte fica às margens do Pó, no centro da região. Mesmo sendo um grande centro industrial, Turim (em italiano, “Torino”) possui um valioso patrimônio histórico, artístico e cultural, em razão do qual recebe muitos visitantes. É verdade que muita gente é atraída à capital piemontesa porque a cidade abriga uma das principais relíquias católicas, o Santo Sudário. Religião à parte, Turim impressiona pela sua arquitetura barroca, herança dos tempos de esplendor da Casa de Savoia, e pela presença de alguns dos mais interessantes museus italianos.

Mapa do Piemonte

Como ir a Torino

Avião

Não há voos diretos do Brasil. O aeroporto Caselle recebe voos de muitas cidades italianas e de outros países europeus. Do aeroporto, trens (20 minutos) e ônibus (40 minutos) levam ao centro da cidade.

Ver preços de pacotes e passagens aéreas para a Itália

Carro

De Milão (140 km) utilize a A4.

Ônibus

Há ônibus diretos da companhia SENA (www.sena.it) a partir de Siena, Florença, Bolonha e Milão, bem como ônibus que partem do aeroporto de Milão para Turim.

Trem

Há trens diretos de Milão (2h) e de Roma (6h15 a 7h).

Hotéis em Turim (Torino)

A região mais prática para se hospedar em Torino é no centro histórico e vizinhanças.

Escolha e reserve seu hotel em Turim (Torino)

Melhor época

Torino fica numa região fria no norte da Itália. A melhor época é de maio a setembro. Veja dicas sobre a melhor época na Itália.

Atrações turísticas em em Turim

Palazzo dell’Accademia delle Scienze

End. Via Accademia delle Scienze, 6. O palácio barroco do século XVII, projetado pelo arquiteto Guarino Guarini, abriga os dois principais museus de Turim. No térreo e no primeiro andar funciona o Museo Egizio (Museu Egípcio), o segundo mais completo no gênero, superado apenas pelo Museu do Cairo. Seu precioso acervo compreende cerca de 30.000 peças de diferentes dinastias e uma coleção de múmias. Os maiores destaques são a estátua de Ramsés II, do século XIII a.C., e o Livro dos Mortos. No terceiro e quarto andares mesmo edifício funciona a Galleria Sabauda, pinacoteca fundada em 1832 por iniciativa de Carlo Alberto di Savoia.  site: Palazzo dell’Accademia delle Scienze

Palazzo Carignano

Via Accademia delle Scienze, 5. Nesse palácio barroco, construído para servir de residência para a família Carignano, nasceu, em 1820, Vittorio Emanuele, o primeiro rei da Itália unificada, que desempenhou, com Garibaldi, um papel da maior importância no Risorgimento, movimento que uniu italianos de norte a sul. O lindo prédio, mais uma criação do arquiteto Guarini, possui uma criativa fachada de linhas curvas. Nele está instalado o Museo del Risorgimento, inaugurado em 1908, que reúne documentos, armas, uniformes militares, objetos e pinturas desse período agitado da História italiana. Site: Palazzo Carignano

Duomo e Capella della Sacra Sindone

End. Piazza San Giovanni. O Duomo do século XV é a única igreja renascentista na cidade. Sua fachada branca, em mármore, torna-o diferente da maioria das construções da mesma época.

Piazza San Carlo

Monumental, construída por volta da metade do século XVIII, é a mais famosa praça de Turim e o coração da cidade. É também um lugar para espairecer, sentar em um dos badalados cafés, bebericar um vermute (bebida inventada em Turim) e admirar monumentos históricos, igrejas e prédios barrocos.

Mole Antonelliana e Museo Nazionale del Cinema

End. Via Montebello, 20. Museu e Elevador panorâmico. Com quase 170m de altura, a construção ousada, projetada no século XIX pelo proeminente arquiteto Alessandro Antonelli para abrigar uma sinagoga, virou um símbolo de Turim. Seu corpo é constituído por uma base quadrada sobre a qual ergue-se uma fina e extensa torre. Por um elevador panorâmico, chega-se ao topo do edifício, de onde se veem os Alpes, a planície do rio Pó e a cidade. A Mole abriga hoje o Museo del Cinema, que não deve deixar de ser visitado.

Palazzo Reale

End. Piazzetta Reale. Foi residência oficial da família real de Savoia por mais de dois séculos. A simplicidade de sua fachada do século XV esconde um interior luxuoso, com elementos barrocos, rococós e neoclássicos, mobiliário original e salões decorados com tapeçarias. São particularmente interessantes os aposentos reais e a Scala delle Forbici (Escada das Tesouras). Mole Antonelliana e Museo Nazionale del Cinema

Museo dell’Automobile

End. Corso Unità d’Italia, 40.O mais importante museu europeu do gênero, inaugurado em 1933 e instalado num vasto e moderno edifício, conta hoje com mais de 170 modelos de automóveis de diferentes épocas. Quem é ligado no assunto vai ficar deslumbrado. Estão expostos a réplica do primeiro veículo automotor do mundo (um carro de artilharia de 1769); automóveis movidos a vapor, a eletricidade e a energia solar; o primeiro Fiat, fabricado em 1899; carros de corrida antigos etc.e seus filhos, vai ser difícil para eles tirá-lo desse museu. Site: Museo dell’Automobile

Palazzo Madama

End. Piazza Castello. O palácio deve seu nome a duas viúvas, as “madames reais” Christine de France, que foi casada com Vittorio Amadeo, e Joana de Savoia, que foi esposa de Carlo Emmanuele II. Aproveitando parte de antigas muralhas e de uma porta romana, o edifício foi construído no século XIV e acabou incorporando características de diferentes estilos nas diversas reformas por que passou, principalmente no século XVIII, quando o arquiteto Filippo Juvarra remodelou completamente a fachada. Em seu interior funciona o Museo Civico d’Arte Antica. Site: Palazzo Madama

Parco del Valentino

Nesse lindo parque entre as pontes Re Umberto I e Principessa Isabella, às margens do rio Pó, fica o Castello del Valentino, residência real do século XV que passou por profundas reformas em meados do século XVII. Sua fachada, que dá para a cidade, tem influências do barroco francês. O interior do castelo conserva uma rica decoração mural, particularmente no Salone Centrale e na Sala della Caccia. Junto do castelo fica o Borgo Medievale, reprodução de uma aldeia medieval, montada para uma exposição no final do século XIX.

Atrações nos arredores de Turim

Nos arredores de Turim há diferentes atrações que vale a visita, sem falar das paisagens estonteantes. Se puder não deixe de visitar a Sacra di San Michele. Você vai se sentir participante do filme (ou do livro “O Nome da Rosa”!  Saiba mais

A Itália em imagens

Maquina fotograficaÁlbum fotográfico com dezenas de fotos da Itália separadas em slide-shows  sobre a as regiões mais interessantes do país.

Centro da Itália em Imagens

Sul da Itália em imagens

Norte da Itália em imagens