Lombardia
Isola Bella, Lombardia
Isola Bella, Lombardia

Acessar o sumário •  Acessar o índice remissivo

Sobre a Lombardia

A próspera Lombardia tem por capital Milão, principal centro cultural, financeiro e industrial italiano. Grosso modo, a cosmopolita Milão está para a Itália como São Paulo está para o Brasil. O nome da região deriva das tribos que ali se fixaram após a queda do Império Romano – os longobardos ou lombardos, que fizeram de Pavia sua capital. Os romanos tinham ocupado Milão em 222 a.C.

Pavia

É perto de Milão, fácil de ser visitada e tem muitas atrações. Saiba mais.

Patrimônio arquitetônico romano, medieval, renascentista

Apesar de muitas cidades lombardas datarem da era romana, elas são repletas de construções medievais e renascentistas, suas maiores atrações. Bergamo, Mântua e outras passam quase despercebidas do turismo de massa, mas quem percorre a Lombardia fica estarrecido com os tesouros artísticos e históricos espalhados por todo canto.

A planície do Rio Pó

Boa parte do território lombardo corresponde à planície do longo rio Pó. Ao norte, nos contrafortes dos Alpes, existem belíssimas regiões de montanha e graciosas cidadezinhas à beira dos lagos de Como, Maggiore, d’Iseo e de Garda. Todos eles têm aquele tipo de paisagem que olhamos babando ao folhearmos revistas especializadas em turismo. Não há quem não se deslumbre ao visitar os lagos lombardos, cujas margens e ilhas estão repletas de lindos palacetes e jardins. Pelos atrativos naturais, culturais e – por que não? – gastronômicos, cada vez mais pessoas têm se interessado, depois de conhecer os lugares mais badalados da Itália, em visitar a Lombardia.

Mapa da Lombardia

Como ir

Há voos diretos de São Paulo para Milão, a capital da Lombardia, pela Alitalia e pela TAM.

Passagens aéreas e pacotes para a Itália

Onde se hospedar na Lombardia

Escolha e reserve seu hotel na Lombardia (Milão, Mântova, Como, Bérgamo, Brescia etc)

Melhor época

Evite o inverno. Leia sobre melhor época na Itália

Principais localidades turísticas da Lombardia

MilãoLago MaggioreLago de ComoBergamo • Lago d’IseoBresciaVal CalmonicaLago de Garda • CremonaMântuaSabbioneta

Vídeo de turismo sobe a Lombardia

Como conhecer a Lombardia, atrações

Milão é ponto de partida quase inevitável de sua viagem pela Lombardia. Para começar, é provavelmente o lugar onde você desembarcará ao chegar do Brasil.
A região é particularmente bem servida por linhas de trem. Há ligações diretas de Milão para as maiores cidades da região. A capital lombarda tem três grandes estações ferroviárias: Centrale, Cadorna (Nord) e Porta Garibaldi.

A Lombardia possui muitas linhas de ônibus que servem diversas localidades, como a região dos lagos e as cidades do Vale do rio Pó. A maioria deles parte da estação rodoviária (autostazione) da Piazzale Freud, em frente à estação ferroviária de Porta Garibaldi, mas há ônibus que partem da Piazza Castello e de outros locais. Os da companhia SITA que saem da Piazza Castello passam também pela estação Centrale.

Quem vai ficar apenas em Milão não tem nenhuma necessidade de alugar um carro. Aliás, seria até um estorvo. Entretanto, um automóvel pode ser bastante útil para percorrer a região dos lagos (onde não é muito prático depender de transportes públicos). Muitas vezes há neblina nas estradas próximas aos lagos. Apesar de existirem trechos lindos, nem todos o são, e perde-se algum tempo para contornar os lagos e visitar cidades que ficam em margens opostas.
Quando se toma uma cidade à beira do lago como base para conhecer as demais, o barco é o meio de transporte perfeito. Confortáveis e seguras, as embarcações oferecem várias opções de horários e itinerários, bem como paisagens capazes de deixar qualquer um de boca aberta.

A Itália em imagens

Uma verdadeira viagem fotográfica por cada região da Itália, com dezenas de imagens separadas por destinos

Maquina fotografica

Centro da Itália em Imagens

Sul da Itália em imagens

                                      Norte da Itália em imagens