La Rioja
La Rioja
La Rioja, formações rochosas

La Rioja

La Rioja, terra do ex-presidente argentino Carlos Menem, que também governou a província do mesmo nome, foi fundada em 20 de maio de 1591 com o pomposo nome de Ciudad de Todos Los Santos de la Nueva Rioja. É a única cidade da Argentina que conserva até hoje a praça onde ocorreu o ato de fundação, a atual Plaza 25 de Mayo.

Embora sem grande interesse turístico, La Rioja é uma das cidades onde você pode se hospedar para visitar o Parque Nacional Talampaya e o Parque Provincial Ischigualasto.
La Rioja pode ser também uma cidade onde você tenha que parar para dormir se estiver seguindo para o Noroeste Argentino (NOA).

Como ir

Avião

De Buenos Aires (1h30) há voos diretos.

Veja passagens aéreas e pacotes

Ônibus

De Buenos Aires (Terminal Retiro), 13h; de Mendoza, 7h30h.

Carro

De Mendoza (610 km) Nenhum caminho é muito direto se você não quiser pegar estrada de rípia. Há várias opções, mas em todos os casos será preciso dar uma bela volta. Para entender, só olhando o mapa. De Buenos Aires (1170 km) pegue a RN 9 e, em Córdoba, a RN 38.

Mapa de La Rioja

Atrações em La Rioja e redondezas

Parques de Talampaya e Ischigualasto

Veja informações e dicas sobre os parques do Cuyo.

Museo Arqueologico Inca Huasi

Juan Bautista Alberdi, 650. Um acervo de mais de 7.000 peças de pedra, madeira e metal, cerâmicas, armas, urnas funerárias e pinturas religiosas coloniais documentam dez séculos de ocupação humana na região.

Museo Folclorico

Pelagio B. Luna, 811. Exibe móveis de época, peças religiosas, tecidos, cerâmicas e outros artefatos que permitem um vislumbre da vida e das tradições na província durante o período colonial. O museu funciona em um casarão construído em meados do século 1850, com um belo pátio central. Pode-se ver como eram, no passado, os dormitórios de uma estancia (fazenda) típica, a cozinha e os utensílios utilizados para preparar alimentos, a bodega de fabricação de vinho doméstico e um alambique de cobre, com o qual destilava-se aguardente de uva (grappa). Uma das salas abriga uma seção dedicada às culturas pré-hispânicas da região.

Plaza 25 de Mayo

Nessa praça, centro da cidade, ficam alguns dos edifícios mais antigos da Argentina como a igreja e o convento de Santo Domingo. Este, fundado em 1623, foi um dos primeiros conventos construídos no país. Na praça fica também a catedral em estilo bizantino, erguida no final do século passado.

Chilecito

A 200 km de La Rioja pela RN 78 e em seguida pela RN 74 (Embora no mapa pareça mais perto, você tem que dar uma grande volta). Excursão de um dia, saindo cedo e voltando a La Rioja à noite, se não quiser dormir em Chilecito (que tem opções de hospedagem).
A cidade de Chilecito, com aproximadamente 42.000 habitantes, fica no vale de mesmo nome, de grande beleza natural, aos pés dos Andes, a 1.000m sobre o nível do mar. Esse belo vale é a principal zona produtora de vinhos de La Rioja.

Bodegas (Vinícolas)

Pode-se visitar as bodegas Riojana (La Plata, 646), que produz tintos com as uvas Cabernet Sauvignon, Syrah, Barbera, Bonarda e brancos varietais Torrontés Riojano, Chenin e Tokay; a Anguinan (Balbín esq. c/ Belgrano), que trabalha com os tintos Cabernet Sauvignon, Syrah, Merlot, Malbec e Bonarda e com os brancos Chardonnay e Torrontés; e a La Rioja (Nicolás Davila, s/nº, Nonogasta), que produz tintos com as cepas Cabernet Sauvignon, Syrah, Barbera, Bonarda e brancos Torrontés Riojano, Chenin e Tokay.

Informações práticas

Como ir para a Argentina

Veja passagens aéreas e pacotes 

Onde se hospedar

Escolha e reserve seu hotel em Buenos Aires

Escolha e reserve seu hotel em Bariloche

Escolha e reserve seu hotel em Mendoza