La Paz

Acessar o sumário Acessar o índice remissivo de localidades e atrações

La Paz, a capital mais alta do mundo

A capital mais alta do mundo foi fundada em 20 de outubro de 1548 por Don Alonzo de Mendonza, para comemorar o fim da guerra civil entre almagristas e pizarristas (ex-sócios e conquistadores do Império Inca). Originalmente, o povoado de Nuestra Señora de La Paz ficava perto do Lago Titicaca, a algumas dezenas de quilômetros ao norte de sua localização atual. A existência de ouro no cascalho do rio Chuquiyapu, onde havia uma aldeia indígena de mesmo nome, teria bastado para convencer Don Alonzo a mudar a cidade de lugar.

Mapa de La Paz

Em 1555, o imperador espanhol Carlos V enviou a La Paz um escudo de armas com a seguinte inscrição: “Los discordes en concordia en paz y amor se juntaron y pueblo de paz fundaron para perpetua memoria.” O clima de “paz e amor” durou pouco; Almagro foi assassinado por Pizarro que, por sua vez, também foi morto mais tarde pelos partidários de seu inimigo.

Como ir a La Paz

Avião

Não há mais voos diretos a partir de São Paulo. Há Lima e de várias cidades bolivianas, como Santa Cruz de la Sierra (1h), Cochabamba (0h35) e Sucre ( 0h50). O aeroporto fica em El Alto, a 12 km da cidade ( 0h20). Há ônibus e táxis para a cidade.

Veja passagens aéreas e pacotes

Trem

A ferrovia Oiental parte de Puerto Suares na fronteira do Brasil para Santa Cruz de la Sierra. A melhor opção é a litorina, evite o Tren de la Muerte, sobretudo em segunda classe.

Ônibus

A estação rodoviária fica na Calle José Maria Assim, ao lado do Cementerio General.Há ônibus de Copacabana (160 km, 3h30); de Puno (320 km; o tempo de viagem depende de parar ou não em Copacabana); de Cochabamba (470 km, 7h); de Santa Cruz de la Sierra (920 km, 17h); de Oruro (230 km, 3h30); de Potosí (540km, 12h); de Sucre (700 km, 10h); de Tiwanaku, opção interessante para quem vai visitar o sítio arqueológico (70 km, 1h30); e de Desaguadero, na fronteira com o Peru (114 km, 2h30).

A partir de Puno e de Copacabana, microônibus de agências de viagens também levam a La Paz, fazendo o trajeto entre hotéis de porta a porta:uma alternativa mais cara e confortável. Rodoviária tel.  228-5858

Onde se hospedar em La Paz

Escolha e reserve seu hotel em La Paz

Melhor época

Sempre faz frio em La Paz em razão da altitude (4.000 m). O verão corresponde à época chuvosa. As estações na Bolívia correspondem às brasileiras.

Para entender La Paz

Em 1609, La Paz, que crescera como ponto estratégico de uma rota de comércio, já se tornara sede de um bispado e um importante centro colonial. Isso não impediu que, em 1781, o chefe índio Julián Apaza, que adotara o nome nativo Tupak Katari, sitiasse a cidade durante quase quatro meses, até a chegada das tropas comandadas por Ignácio Flores.

Para quem chega de avião, a vista parece surreal (La Paz fica literalmente dentro de um “buraco”, um canyon a 3.700m acima do nível do mar, escavado pelo rio Chuquiyapu. À sua volta, o Altiplano alcança 4.100m de altitude e os picos da Cordilheira Real perto da cidade, cobertos por neves eternas, atingem mais de 5.000m. Em razão desse inusitado relevo, La Paz é protegida dos fortíssimos ventos que varrem o Altiplano e beneficiada com temperaturas relativamente amenas. Seu clima é bastante seco.

A capital boliviana é cortada por um larga avenida que acompanha o vale do rio, em boa parte canalizado, e muda de nome várias vezes (Montes, Mariscal Santa Cruz, 16 de Julio, Vilazzón e 6 de Agosto). Dessa avenida saem ruas que sobem as encostas do canyon.

A área em torno da Av. 16 de Julio é conhecida como El Prado. O centro “antigo” fica no final da Av. Mariscal Santa Cruz, onde está a Plaza San Francisco, da qual sai a Calle Sagárnaga. Nessa região, onde há uma infinidade de lojas de artesanato, hotelecos e mercados ao ar livre, só se vêem índios e turistas estrangeiros. Do outro lado da avenida estão a maioria dos museus e a área colonial da cidade, na qual se sobressaem os belos imóveis antigos da Calle Jaén. Nesse bonito bairro está a Plaza Murillo, onde ficam a catedral e prédios do governo.

A área residencial

Os paceños de maior poder aquisitivo moram e transitam pela chamada “área residencial” que, bem distante disso tudo, mais parece um bairro paulistano de alto padrão, com prédios de luxo, praças e comércio refinado. É nas encostas que mora a população menos favorecida; os bairros pobres acabaram se espalhando pelo Altiplano e formando a comunidade de El Alto, nas vizinhanças do aeroporto.

Calle Jaén, a mais bem conservada das ruas coloniais de La Paz, é conhecida como a “rua dos museus”: você compra um ingresso só, que vale para visitar todos eles.

Atrações em La Paz

La Paz tem mercados bem interessantes, diversos museus e outras atrações. Veja atrações em La Paz

Excursões a partir de La Paz

Fora de La Paz há diversas atrações de primeira linha. Não deixe de conhecê-las. Saiba mais.