Itália: para entender o país

Acessar o sumário •  Acessar o índice remissivo

Itália: para entender o país, seu povo e sua cultura

Itália:  geografia

A Itália tem uma geografia inconfundível: é uma península em forma de bota, que se estende de noroeste a sudeste, tendo no centro os Apeninos como espinha dorsal e, ao norte, os Alpes como fronteira natural com a França, a Suíça e a Áustria. No nordeste, o país tem fronteira com a Eslovênia. Fazem parte da Itália duas grandes ilhas, a Sicília e a Sardenha, e diversas ilhas menores.
A Península Itálica, rodeada pelo Mediterrâneo, só não é banhada pelo mar ao norte. A forma alongada do território continental italiano faz com que haja grande variação de latitudes entre o extremo norte e o extremo sul. A maior parte do país tem relevo bem acidentado; apenas um quarto é composto por planícies. Essas particularidades resultam em uma grande diversidade de paisagens e climas.
Os únicos vulcões ativos da Europa ficam em território italiano: são eles o Etna, no centro-leste da Sicília, o Stromboli, em uma das pequenas Ilhas Eólicas, a nordeste da Sicília, e o suspeitíssimo Vesúvio, perto de Nápoles (que dizem estar prestes a entrar em erupção a qualquer momento, mas certamente não nos dias que você passará em Nápoles!).

Itália: divisão administrativa

O país é dividido em 20 regiões, subdivididas em províncias, que por sua vez são formadas por comunas, equivalentes aos municípios brasileiros. A atual divisão regional reflete ainda as milenares fronteiras entre ducados e cidades-estado que compuseram o território italiano desde a queda do Império Romano até o fim do século XIX, quando a Itália tornou-se de fato uma única nação. Cinco das regiões têm status diferenciado, com autonomia legislativa em muitas matérias (Valle d’Aosta, Trentino-Alto Adige, Friuli-Venezia Giulia, Sicília e Sardenha). Incrustados no território italiano existem dois Estados independentes: o Vaticano, dentro da cidade de Roma, e San Marino, entre as regiões da Emilia-Romagna e do Marche.

Desenvolvimento desigual

Por várias razões, existem hoje grandes disparidades entre as regiões italianas no que tange às atividades econômicas – e, consequentemente, ao grau de desenvolvimento. Grosso modo, pode-se dizer que os grandes polos industriais e comerciais concentram-se no norte, enquanto no sul a agricultura ainda predomina. Mais ou menos no centro do território está Roma que, embora seja a capital, não é a cidade mais importante do ponto de vista econômico; esse papel cabe a Milão, na Lombardia.

O Mezzogiorno

Mezzogiorno (“meio-dia”) é o nome dado ao limite que separa, em tese, a Itália “rica” da Itália “pobre”. Onde fica, porém, essa linha imaginária? Há quem diga, ironicamente, que não importa em que cidade da Itália você pergunte isso, sempre lhe dirão que fica a alguns quilômetros mais ao sul de onde você está… Portanto, o mezzogiorno dos calabreses e dos sicilianos deve começar na África!

A realidade italiana hoje em dia

É importante lembrar que as diferenças econômicas regionais atuais nem sempre correspondem ao grau de avanço cultural, muito menos à importância histórica da região. A Sicília, por exemplo, foi um dos maiores centros intelectuais do mundo na época da colonização grega.

As disputas políticas

No século XX, depois de ter participado das duas Guerras Mundiais (na Primeira, do lado dos Aliados, e na Segunda, sob o regime fascista de Mussolini, ao lado do Eixo, com os alemães e japoneses), o país se reergueu de maneira surpreendente e hoje é um dos mais importantes membros da União Europeia. A arraigada disputa ideológica entre direita e esquerda e a instabilidade política que marcaram as últimas décadas de sua História ainda persistem. Nenhum país parlamentarista teve tantos primeiros-ministros em tão curto espaço de tempo!

O combate à Máfia

Uma das prioridades da Itália tem sido o combate à corrupção e ao crime organizado – ou seja, às indesejáveis ligações entre a Máfia e os poderes públicos. A Operação Mãos Limpas (Mani Pulite) concentra esforços do Ministério Público e do Judiciário, cujos membros agem muitas vezes arriscando a própria vida. O resultado tem sido notável, com milhares de criminosos (mesmo os de colarinho branco) processados – e uma sensível diminuição nos custos das obras públicas… Mas ainda há muito a ser feito.

Informações práticas

Como ir

Veja passagens aéreas e pacotes

Onde se hospedar

Escolha e reserve seu hotel em Roma

Escolha e reserve seu hotel em Milão

 

A Itália em imagens

Uma verdadeira viagem fotográfica por cada região da Itália, com dezenas de imagens separadas por destinos

Maquina fotografica

Centro da Itália em Imagens

Sul da Itália em imagens

                                      Norte da Itália em imagens

CAPAitáliaprimeirasite

Os guias GTB impressos não estão mais à venda…
Enquanto isso, confira todo o conteúdo completo e atualizado do guia impresso, substituído pelo  Guia GTB ON Line Itália, gratuito, e com dezenas de fotos. Basta ter sinal de internet no local onde você estiver.

 

Links afins