Galleria degli Uffizi
Gallerie degli Uffizi - foto de Tamara Polajnar - CC BY-NC 2.0
Gallerie degli Uffizi

 

A Galleria degli Uffizi, ícone da arte em Florença

A Galleria degli Uffizi, em Florença, é um dos mais importantes museus do mundo. Reúne obras dos principais mestres fiorentinos e de outros grandes pintores europeus do séculos XIII ao século XVIII, além de algumas peças arqueológicas.

Suas salas, com obras do século XII ao século XVIII, são divididas por ordem cronológica e por estilo.

Localização da Galleria degli Ufizzi

O acervo da Galleria degli Uffizi

O acervo da Galleria degli Uffizi é simplesmente fabuloso. As coleções, só para citar algumas das principais obras em exibição, incluem pinturas de artistas como Giotto, Cimabue, Simone Martini (Anunciação), Fra Angelico, Paolo Uccello (A Batalha de San Romano), Masaccio, Filippo Lippi, Antonio e Piero del Pollaiolo, Botticelli (não perca O Nascimento de Vênus e A Primavera), Leonardo da Vinci (Anunciação), Perugino, Rafael, Durer, Correggio, Andrea Mantegna, Fra Bartolomeo, Michelangelo (a maravilhosa Sagrada Família, conhecida como Tondo Doni), Andrea del Sarto, Ticiano (Vênus de Urbino), Veronese, Tintoretto, Caravaggio (Baco), Rembrandt (Autorretrato), Rubens (Baco), Goya, Canaletto e Tiepolo.

Por tudo isso, uma visita à Galleria degli Uffizi equivale a uma aula de História da Arte.

Vídeo sobre a Galeria deli Uffizi

 A visita à Galleria degli Uffizi

Com um acervo desses, a Galleria degli Uffizi atrai multidões de turistas do mundo todo. Por isso, é recomendável comprar o cartão FIRENZE CARD, que dá acesso a esse e mais dezenas de outros museus; comprar seu ingresso online com antecedência; ou reservar seu ingresso com no mínimo um dia de antecedência na bilheteria do museu.

Os bilhetes reservados têm hora marcada para o início da visita. (É possível visitar a pinacoteca sem fazer reserva, mas a fila é um horror. Você deve se preparar para enfrentar algo parecido com a invasão da Normandia e, além disso, ser muito paciente, respirar fundo seguidas vezes e proteger seu fígado contra cotoveladas).

Site oficial da Galleria degli Uffizi

Venda online de ingressos: http://www.b-ticket.com/b-ticket/uffizi/

Dica

Se você pretende visitar Florença e quer conhecer com mais tranquilidade a Galleria Degli Ufizzi, procure escapar da alta temporada (o verão na Europa. Reserve pelo menos uma tarde inteira para apreciar apenas o básico.

Curiosidades sobre a Galleria degli Uffizi

Certas pinturas, como uma de autoria de Francesco Granacci, que retrata José apresentando seu pai e seus irmãos ao faraó do Egito, chamam a atenção por algumas curiosidades: o faraó – da época do Antigo Testamento – aparece vestido de turco otomano do século XVI; outros personagens usam roupas bizantinas. (Seria o mesmo que pintar nos dias de hoje uma Santa Ceia em que Cristo e os apóstolos estivessem de terno e gravata). Para completar, um rinoceronte aparece pastando tranquilamente no meio da rua. Na verdade, os pintores misturavam o que ouviam dizer com sua imaginação. Talvez Granacci achasse que o temperamental herbívoro africano fosse manso como uma vaca leiteira… Às vezes, entretanto, tratava-se simplesmente de uma licença poética ou da criatividade do artista à solta, como no quadro de Rubens em que Henrique IV entra em Paris em uma biga romana!

História da Galleria degli Uffizi

A crescente importância econômica e política de Florença no século XVI exigiu um edifício para a instalação dos uffizi, escritórios destinados a acolher em grande estilo a estrutura governamental montada pelos Medici. O belo palácio, que abriga a Galleria degli Uffizi (“Galeria dos Escritórios”), foi construído em 1560 a mando de Cosmo I de Medici, para centralizar sua administração, espalhada pela cidade. Prático, mandou instalar os Uffizi bem do lado do Palazzo della Signoria, a sede da Signoria (governo), e do Conselho Citadino, chefiado pelos Priores (a grosso modo, magistrados). Assim os Medicis podiam, ficar de olho em todo mundo…

Sua construção, uma obra-prima do gênio florentino, iniciada em 1560, só foi terminada em 1580. O projeto dos Uffizi é de Giorgio Vasari, que criou um prédio em forma de “U”, aproveitando muito bem o diminuto espaço entre o Palazzo Vecchio e o rio Arno. O  Palazzo  foi muito ampliado e modificado depois, pelos próprios Médicis.