Dinheiro em viagem

Dinheiro em viagem

Por Gisele Bruhns Libutti

Dinheiro em viagem: como transportar sua moeda cash?

Com quanto dinheiro você pode sair do Brasil ?

Qualquer turista brasileiro tem direito a levar consigo numa viagem até R$ 10.000 (dez mil reais) em dinheiro vivo ou em cheques de viagem sem precisar declarar à Receita Federal; acima desse valor, a declaração é necessária. Ao entrar em muitos países, você deverá declarar qualquer soma em moeda estrangeira acima de um determinado valor.

Dinheiro vivo ou cash

• Transportar dinheiro vivo tem suas vantagens: é muito mais fácil trocar uma nota de dólar do que um cheque de viagem, principalmente em pequenas cidades ou num final de semana, quando os bancos estão fechados.

• Por outro lado, andar com dinheiro vivo significa que você terá que tomar muito cuidado com eventuais furtos ou roubos. Se levarem seu dinheiro, levaram, e você não o recupera mais. De qualquer forma, nunca leve todo (nem a maior parte) de seu dinheiro em espécie; leve apenas o necessário, considerando para onde você vai e quais as facilidades para trocar cheques de viagem.

Cartão de crédito internacional

• São cada vez mais utilizados por todo mundo. Hoje, quase todos os cartões de crédito brasileiros são internacionais, ou seja, aceitos no exterior. A primeira grande utilidade do cartão de crédito na sua viagem é que ele é o modo mais fácil de se financiar a passagem, alugar automóvel e fazer reserva em hotéis, tudo com um mínimo de burocracia.

• Tenha sempre anotados o telefone da administradora e o número do cartão para o caso de extravio ou roubo. Não é demais recomendar que você confira tudo o que está assinando e se o cartão que estão lhe devolvendo é mesmo o seu.

• O cartão não dispensa a necessidade de levar dinheiro vivo ou cheques de viagem, pois nem tudo pode ser pago com ele.

Verifique a validade do seu e anote o telefone de contato com a operadora para casao de roubo ou extravio.

Cartão Pré-Pago

Você “carrega” o cartão em seu banco dom uma determinada soma em euros ou dólar e pode sacar no exterior ou pagar contas com ele.

Advertência: A crise econômica resultado do saque dos cofres públicos, somado à incompetência, quebrou o país. Com isso tentam arrancar dinheiro de onde podem. As taxas para uso de cartões internacionais dispararam de modo absurdo. Fale com seu gerente.

Cheques de viagem

• Os cheques de viagem antigamente muito usados, foram superados pelo cartão de crédito. Os cheques de viagem podem ser comprados nos principais bancos brasileiros (porém não em todas as agências) – em alguns deles, até mesmo pela internet! Eles podem ser emitidos em dólar, em euro ou mesmo em outra moeda.

• Se o pior acontecer (perda, furto, roubo), vá depressa até a Delegacia de Polícia mais próxima, registre a ocorrência e peça uma cópia da declaração. Depois informe a agência mais próxima da instituição que emitiu os cheques, que fornecerá novos cheques em substituição aos extraviados.

Links afins