Compras na Bahia
Mercado Modelo em Salvador, Bahia
Mercado Modelo, Salvador, Bahia

Compras na Bahia, pesquise com calma

Dicas de compras na Bahia

As compras devem ser feitas sem pressa; tire um dia para isso. Os Centros de Artesanato, existentes em quase todas as cidades baianas, vendem não só objetos, mas também guloseimas típicas da Bahia.

Na profusão de ofertas, em meio a muitas coisas comuns, é possível encontrar excelentes peças. Vale prestar atenção no acabamento e perguntar pela procedência. O interior da Bahia é famoso por seus artigos em couro e pelas cerâmicas produzidas em Lençóis, Itabuna, Macaúbas, Rio Real e Sítio do Conde. O Recôncavo entra com as cachaças, as rendas de bilro da Ilha de Maré e as obras dos santeiros de Candeias.

Mapa da Bahia

Os designers soteropolitanos são experts na arte da estamparia

Nas lojas do Pelourinho, você encontra tanto um simples boné com o símbolo do Olodum como um vestidinho chiquitérrimo assinado pela internacional Goya Lopes. Os preços variam muito. Se você quer algo para exibir por um bom tempo, fuja das camisetas “3 por 10”; é possível encontrar estampas bastante originais em tecidos de qualidade, que não são muito caras.

Pinturas

No Pelourinho e no Mercado Modelo há grande quantidade de pinturas, óleo sobre tela e gravuras, que podem ser vendidas sem a moldura. Transportadas em tubos de papelão, não correm o risco de sofrer danos. Seu preço varia dependendo do tamanho. Claro que pinturas de artistas renomados têm preços “a combinar”. Cerâmicas e objetos de decoração são bonitos, mas pesam. Verifique se a loja pode despachá-las. Em Salvador, alguns ateliês providenciam o transporte interestadual, desde que você pague o frete. Dependendo do produto, dá até para barganhar com o vendedor e dividir esse custo com a loja.

Artesanato indígena

O artesanato indígena é um dos fortes da Bahia. Na aldeia dos Pataxós, na Coroa Vermelha, próximo a Porto Seguro, o Centro de Artesanato concentra toda sorte de artigos de madeira, palha, pedras, sementes, penas e outros materiais. São cuias, cinzeiros, anéis, pulseiras, brincos, colares, cocares e cestos produzidos pelos índios. Na região próxima a Caraíva, na Área de Preservação Ambiental do Monte Pascoal, artigos confeccionados pelos indígenas são vendidos dentro da própria aldeia.

Na Chapada Diamantina

A Chapada Diamantina oferece boas oportunidades para quem quer comprar pedras brasileiras. Em Campo Formoso, conhecida como Capital das Esmeraldas, encontram-se esmeraldas de toda qualidade, lapidadas ou brutas, e belas esculturas em calcita, citrino e outras pedras. As esmeraldas extraídas no garimpo local, o Garimpo de Socotó, podem ser adquiridas a preços melhores do que os praticados na Capital.

Quem vai à Bahia para brincar no Carnaval tem que escolher sua banda favorita e comprar o abadá (fantasia personalizada), que pode custar de R$ 200 a R$ 1.500.

Informações práticas

Como ir a Bahia

Compare preços de passagens aéreas e faça sua reserva

Onde se hospedar em Salvador

Escolha e reserve seu hotel em Salvador