Bolzano
Bolzano, Itália
Bolzano, Itália

Bolzano ou Bolzen?

Durante a era fascista houve uma tentativa por parte de Mussolini de “italianizar” Bolzano à força. Não deu muito certo. A cidade continua sendo meio germânica – e ainda é chamada de Bolzen.

Mapa do Trentino Alto Adige

Como ir a Bolzano

 Avião

Não há vôos diretos do Brasil. O aeroporto Bolzano Dolomiti, que recebe vôos domésticos, fica próximo à cidade. O traslado pode ser feito de trem ou de táxi.

Veja passagens aéreas e pacotes

   Carro

De Milão (300 km) ou de Veneza (250 km), utilize a A4 até Verona e em seguida a A22, passando por Trento. De Trento (60 km) utilize a A22.

   Trem

De Milão (3h30) ou de Veneza (3h30), você terá que fazer baldeação em Verona. De Trento (35 a 45 minutos) há trens diretos.

Melhor época

O verão. Veja mais detalhes sobe a melhor época na Itália

Atrações turísticas em Bolzano

A proximidade das Dolomitas (que podem ser vistas de muitos pontos da cidade), a tranquilidade do lugar, a beleza da arquitetura com influência tirolesa e a gastronomia atraem muitos visitantes. Bolzano é também uma ótima base para uma aventura pela região. O centro histórico, a parte mais interessante da cidade, fica em torno da Piazza Walther e da Via dei Portici.

Piazza Walther

É onde tudo acontece… Construída no começo do século XIX, tem edifícios com passagens abrigadas sob arcos, cafés, restaurantes, bares com mesinhas na calçada e nenhum automóvel. Walther von der Vogelweide, que deu nome à praça, era um poeta e trovador satírico que viveu entre os séculos XII e XIII. Na praça fica a Cattedrale, do século XIII, construída inicialmente em estilo românico e reformada posteriormente em estilo gótico. Na face norte, fica o Portale del Vino (“Portal do Vinho”). O produto era vendido em regime de exclusividade pela Igreja, em razão de um privilégio concedido pelo Arquiduque Alberto da Áustria.

Piazza delle Erbe

Documentos do final do século XIII já falavam do mercado de frutas e legumes existente nessa praça. O mercado, que se estende pelas ruas vizinhas, hoje vende também doces, pães, queijos e frios. Em um dos cantos há uma fonte com uma estátua de Netuno. (Os italianos adoram usar o deus greco-romano dos oceanos para decorar fontes!)

Museo Archeologico – Via Museo. O museu arqueológico do Alto Adige, tornou-se famoso por abrigar o corpo de Ötzi, o “Homem do Gelo” ou “Uomo del Similaun”, encontrado no meio de uma geleira nos Alpes. Ötzi tinha em torno de 40 anos quando morreu, há mais de 5.000 anos. Conforme estudos recentes, ele provavelmente foi atingido por uma flecha. A descoberta da múmia congelada por um casal de alpinistas deu-se por mero acaso e causou alvoroço nos meios científicos. O achado forneceu preciosas informações sobre a vida naquela época: como os homens caçavam, como se protegiam do frio e o que comiam. (Fuçaram até o estômago de Ötzi!) O corpo está exposto em uma câmara refrigerada, tendo ao lado uma machadinha, a roupa que vestia e os objetos encontrados com ele. Museo Archeologico

Site de turismo da Província de Bolzano

Site de Turismo da Comuna de Bolzano

Matérias especiais

A origem dos sobrenomes italianos | Quem inventou a pizza?
A sociedade na época do Império Romano | Para entender a Itália
Os italianos | Guiar na Itália: vivendo e aprendendo
Arte erótica do Gabinetto Segreto do museu arqueologico de Nápoles
Os papas  | Os italianos no Brasil

A Itália em imagens

Uma verdadeira viagem fotográfica por cada região da Itália, com dezenas de imagens separadas por destinos

Maquina fotografica

Centro da Itália em Imagens

Sul da Itália em imagens

                                      Norte da Itália em imagens